Aniversáriantes

Banner

Por falta de pagamento do terço de férias, Jornada Pedagógica conta com apenas 10% de participantes

PDFImprimirE-mail

Foi iniciada na manhã desta quinta-feira, 01/02 a XXX Jornada Pedagógica da Rede Municipal de Ensino de Itabuna, cujo tema tratou da “Avaliação e Mediação Pedagógica pelo Direito de Aprender”. O evento que há anos conta com um público de aproximadamente 1.300 participantes, este ano teve pouco mais de 120 ouvintes. O motivo da ausência em massa foi o não pagamento do terço de férias dos Professores, que deveria ter sido pago desde o dia 17 de janeiro.

De acordo com a Presidente do Sindicato do Magistério – SIMPI, Profa. Carminha Oliveira, muitas foram as tentativas de negociação com o governo, mas as alegações de falta de recursos e a ausência da apresentação de uma proposta para categoria culminou no boicote ao evento. “A jornada pedagógica é um evento importante para nossa rede, mas seria um contrassenso exigir participação do professor, uma vez que até o dia de hoje as suas férias não foram pagas”, esclarece a sindicalista.

Enquanto o evento ocorria no auditório da Terceira Via Hall, os professores faziam um manifesto com faixas, cartazes e palavras de ordem, exigindo respeito aos direitos constitucionais e trabalhistas. “Prefeito, respeite a Constituição, pague o terço de férias do professor” era uma das mensagens expostas pelos manifestantes. Conforme a agenda de mobilizações do SIMPI, a partir de amanhã, 02/03 haverá visita dos manifestantes às escolas, para que possam conferir a adesão do movimento em defesa do terço.

Além disso, o SIMPI irá promover na próxima segunda, 05 de março, à partir das 8h no auditório do sindicato, uma assembleia deliberativa, que deverá discutir as propostas de parcelamento do terço apresentadas pelo governo e os rumos da luta.

Fonte: Ascom SIMPI

 

Visitantes Online

Nós temos 73 visitantes online

Contador de Visitas

3775144
TodasTodas3775144

Calendário